Achas que eu não sei? Sei que muitas vezes perdeste o fôlego apenas por estar ao lado dele, e hoje, desejas apenas que essa perda de fôlego fosse pelo mesmo motivo, ao invés de ser pela falta que ele te faz. Sei que quando passas por qualquer sítio onde ele esteve ou em que tu estiveste com ele, bate um aperto no peito, um sufoco na garganta. Tal como, quando vestes a antiga camisola que ele te deixou, e o único cheiro que te chega é o teu. Dói. Eu sei que todas as vezes em que o telefone toca, tu desejas que seja ele. Sei que em algumas noites tu desejas com toda a tua força que o sono venha o mais depressa possível, porque tu já não suportas mais pensar que ele não vai estar à tua espera no dia seguinte. E aí, quando finalmente pegas no sono, o teu subconsciente prega-te uma rasteira, e sonhas com ele. 
Oh, eu sei que sentes falta daquele abraço apertado, e também sei que tu farias de tudo só para o sentir mais uma vez. Sei disso tudo e mais um pouco. Sei que te preocupas com a maneira como sais de casa, pois não vás tu encontrá-lo por um acaso qualquer no meio da rua. Sei que agora, eras capaz de tudo para o ter de volta. Sei daqueles defeitos irritantes que só ele tinha, da mania de te querer tirar sempre do sério, e daquele jeito teimoso que te derretia. Eu sei da falta que isso te faz. Eu sei que desejas que o teu passado venha para se tornar no teu presente mais uma vez, por isso insistes em revivê-lo. Voltas a ele sempre que podes. 
Eu tambem conheço essa dor. Essa, que tu sentes quando descobres que os teus planos de um fututo ao lado dele, não serão mais realizados. Essa, das promessas quebradas. Dói só em pensar que acabaram aquelas conversas do "quando estivermos casados". Acabaram-se os planos. Eu sei que ele foi embora, e também sei que ele não levou as lembranças com ele. Deixou-as contigo, não foi? Elas insistem em aparecer na tua mente. Eu sei que cada pormenor, cada cheiro, cada lugar, te faz lembrar dele. Eu sei como tu sentes falta dos beijos roubados no sofá, na praia, no elevador, e das mil e uma maneiras de os esconder dos outros.
Achas que ainda não sei? Pensas que também não sei da confiança que depositavas nele? Sei das palavras de conforto que ele te dizia, que afinal de contas nem eram tão extraordinárias assim, mas que a ti te soavam melhor que um poema. Eu sei que te lembras das conversas. Sei que ficas horas a relembrar aquelas que na altura pareciam insignificantes, mas que hoje te fazem tanta falta. Sei da dor que sentes, só de imaginar, que eventualmente ele pode estar feliz com outra pessoa. Seja pela falta, pela dor, pelas lembranças, pelos sonhos. Eu sei bem dessas lágrimas que já choras-te, e que ainda vais chorar. Eu sei como é. E se sei.
Também sei que já te cansaste de encontrar maneiras para esquecê-lo, talvez até já te tenhas convencido que nunca o irás esquecer. E sei que isso só te faz sofrer. Sei que descobriste que o teu amor por ele, era único e insusbstituível. Ninguém o conseguirá amar como tu. E disso, sei que tens a certeza. Também sei, que parece que ninguém te entende, e tudo o que te dizem é só "mais alguma coisa" para ti. Sei que no meio de tantos amigos e de tanta gargalhada te sentes perdida. Sei que ainda hoje torces para que sempre que o telemóvel toque, que seja ele a dizer que está com saudades e que quer voltar para ti.

111 comentários:

  1. As coisas do passado devem ficar no passado, mas existe muita gente que alimenta essa esperança.

    ResponderEliminar
  2. Não mesmo, elas dão cabe de qualquer pessoa

    ResponderEliminar
  3. identifico-me muito com este teu texto :s

    escreves muito bem, parabéns :)

    ResponderEliminar
  4. para não variar , demorei um milhão de anos a vir até ao blog , e responder aos comentários . tenho andado mesmo sem cabeça :s
    e estamos a falar do teu ex , certo ? :o , é que como ando ausente , baralho-me toda -.- .
    por esta altura , aposto que já se passaram mais mil e uma coisas . foi bastante fofo da parte dele dar-te o casaco , assim sem dizer mais nada :s .
    e até agora , tens conseguido não te apaixonar por ele ?

    ResponderEliminar
  5. Começaste a ganhar amor próprio :)

    ResponderEliminar
  6. O que importa é que conseguiste ter amor próprio :)

    ResponderEliminar
  7. "Sei que ficas horas a relembrar aquelas que na altura pareciam insignificantes, mas que hoje te fazem tanta falta."

    adorei o texto. mas principalmente a frase que transferi. muito verdadeira :$ apesar de hoje, eu e ele ainda estarmos MUITO próximos. sinto muitas saudades mesmo de conversas que pensava serem insignificantes.

    ResponderEliminar
  8. É porque foi a pessoa que mais amaste, não é qualquer um que cria medos :)

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. Quando amas alguém de verdade, mesmo depois de ter chegado ao fim, nem importa as causas do desfecho, se for verdadeiro fica sempre algum sentimento. Pode não ser o suficiente para lhe atribuires a palavra "amor", mas é alguma coisa.
    E fazes bem não guardar rancor, isso só te ia fazer mal a ti :)

    ResponderEliminar
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  12. Este texto está simplesmente LINDO. Tanta verdade junta!
    Oh muito obrigada. É muito bom gostarem assim do meu Blog :)

    ResponderEliminar
  13. podes ter a certeza.
    não que não fale com ele, claro.
    mas fez tanta falta nas férias quando não nos falámos tanto :(

    ResponderEliminar
  14. identifiquei-me tanto com este texto, está tão verdadeiro, está tão lindo, adorei!

    ResponderEliminar
  15. acho que é um desculpa comum a todos. já me disseram e fizeram o mesmo.
    e não FOI NADA fácil. mas que se lixe. graças a ele... descobri a pessoa que agora tenho ao "meu lado" :')

    ResponderEliminar
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  17. mas tem cuidado :s , não te quero ver mal !

    ResponderEliminar
  18. obrigado linda *-*
    pois reparei. falam todos os dias?

    ResponderEliminar
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  21. não penses negativo.
    nada acontece por acaso.

    ResponderEliminar
  22. Eu às vezes também escrevo nos rascunhos e depois quando me lembro de publicar já não faz tanto sentido.
    Pronto, pronto, tu mandas :b

    ResponderEliminar
  23. Eu às vezes também escrevo nos rascunhos e depois quando me lembro de publicar já não faz tanto sentido.
    Pronto, pronto, tu mandas :b

    ResponderEliminar
  24. pois, é mesmo pena :s
    a cada palavra tua que lia vi-a a minha "história"..

    ResponderEliminar
  25. muito lindo o que tu escreveste!
    tudo tudo!
    pessoas fazem faltas que às vezes, nos tomam como buracos imensos dentro do peito;

    se quiseres, ficaria honrada de te ter como seguidora!
    *____*

    beijos chérrie! *:

    ResponderEliminar
  26. Meu deus o: adorei *.* Estou a seguir!!

    ResponderEliminar
  27. bem, costuma-se dizer que não há mal que dure sempre :))

    ResponderEliminar
  28. ora lá está. sou da mesma opinião.

    ResponderEliminar
  29. a esperança é a última a morrer né querida? :))
    beijinho.

    ResponderEliminar
  30. vocês precisam mesmo de falar a sério um com o outro.
    que dois orgulhosos.

    ResponderEliminar
  31. concordo mas na prática não sou a melhor para te aconselhar sinceramente, estou mais perdida do que tu.

    ResponderEliminar
  32. Foi escrito mesmo ao bocado, no momento. Ouvi uma música, ele mandou-me toking e pronto lá fui eu um bocado para o "conas" neste texto, se é que me entendes, ahahah. Desculpa, mas é que eu sou assim a falar. x)
    Eu adoro, os teus textos :)

    ResponderEliminar
  33. oh *-* obrigado querida :')
    são os dois pelos vistos. mas tu compreende-se porque já sofres-te

    ResponderEliminar
  34. Ai eu sou assim com toda a gente. Então quando as minhas amigas estão com alguém que eu só sei o nome ou o Carlos quando está com os amigos ficam tipo todos "lol? a miúda deve ter um atraso" e riem-se todos. Eu digo cada uma, se bem que na beira do Carlos sou uma santinha, não digo tantas piadas. A não ser que esteja mais alguém ao lado, ahah!
    Obrigada mesmo, és uma querida. E sabes bem o que penso em relação ao teu caso. E também estou deste lado a torcer para que tudo vos corra bem, e que deixes desses medos e assim minha princesa linda! :)

    ResponderEliminar
  35. foste parva porquê?
    por teres dito o que pensas? porque não devias ter dito? é a verdade ou não?
    porque te tratas assim?

    ResponderEliminar
  36. Mais vale publicarmos logo. Mas às vezes não sei porqê, tenho muita vontade de escrever e estou super inspirada mas depois a vontade de publicar já não é tanta.

    ResponderEliminar
  37. E muitas vezes por mais que custe a sua felicidade, sempre irá querer o bem dele.
    Obrigado por me seguir,
    beijos.

    ResponderEliminar
  38. oh pronto, então... (sorriso sem palavras) ahah

    ResponderEliminar
  39. oh, nao posso agradecer, por isso retribuo o elogio. tambem és muito querida uhuh

    ResponderEliminar
  40. se ele quiser mesmo que fiques com ele, há-de ser insistente.

    ResponderEliminar
  41. Temos que começar a publicar logo para não haver estas coisas xD

    ResponderEliminar
  42. Tchii, eu também sou assim. Ahahah, num momento falo falo falo e o que falo só faz rir toda a gente e depois calo-me e é bem caladinha, mas sem pensar em nada sequer simplesmente calo-me. É esquesito!
    Eu á beira do Carlos, sou mais sossegada, não sei porquê mas sou. Não há nada para torcer porque a menina Marisa, ainda não meteu na cabeça que deve ganhar coragem para tudo!

    ResponderEliminar
  43. vocês os dois andam a precisar dum puxador de orelhas tipo eu que vos ponha a falar a sério. andam andam :c

    ResponderEliminar
  44. Pois é. Eu ao fim da tarde fiquei super inspirada e escrevi três textos no telemóvel. Agora vou passar para os rascunhos do blog e talvez até publique um. Mas estes não me vai acontecer o mesmo, porque irei sentir o que escrevi por muito tempo...

    ResponderEliminar
  45. ele pediu-me um tempo porque não sabia o que sentia por mim, na segunda beija-me e dizer que me ama, hoje cumprimentou-me e agora à noite já disse que é melhor esquecê-lo. não dá mais. estou cansada de sofrer. suportei tudo vindo dele!

    ResponderEliminar
  46. calma. O meu menino tambem quando tem assim mais coisas para fazer e nao me dá atencao, dá-me atenção quando esta menos ocupado. Por exemplo, hoje às 4 da manhã foi ao facebook e estivemos a falar um bocadinho mesmo ele estando cansado, por iniciativa dele, porque eu vi-o online mas nao meti conversa :b foi ele e lá foi fofinho à mesma comigo.
    Isto para te dizer que nao precisas de ser pessimista. Vais ver que quando acabar esta fase de testes, volta tudo ao normal princesa

    ResponderEliminar
  47. Olha acontece exactamente o mesmo comigo acreditas? Mas eu hoje senti uma coisa feia e começei a chorar e também estou na paz com tudo e todos. :c
    Oh, não. Só uns beijinhos e uns abraços e tal xD
    Mas está tudo a correr bem ? :)

    ResponderEliminar
  48. falamos agora à noite, como amigos, aquilo que somos.

    ResponderEliminar
  49. Foi no momento, estava em baixo. Senti que ele estava calmo demais. Mas já me mandou uma mensagem a dizer para casar com ele, já tá o mesmo de sempre ahah.
    Ui foi assim muito mau ? :s
    Vês, ele quer-te apoiar. Está confuso, porque tu não andas para a frente com isso, raios de rapariga. Queres um empurrão de ajuda, não?
    Tenta ganhar coragem e fala sobre isso também, seria óptimo para ti e ele. :)

    ResponderEliminar
  50. Não e agora já não vale a pena tentar saber.

    ResponderEliminar
  51. Vou com calma, se tiver que dar, não será preciso forçar nada.

    ResponderEliminar
  52. Começou a chover, ele já me mandou uma mensagem a dizer que tem as sapatilhas todas molhadas. Já vêm todo chateado, aposto!
    Foi fora, muito fora. Imagino como te sentes, e acho que fizes-te muito bem! Eles não podiam esperar outra coisa, e se esperassem meu deus. Bem, se tivesse sido comigo eu tinha agido igual por isso. E se o teu menino ficou todo chateado, e se tu não fores ele também não vai, ele de certeza que sente algo por ti. Mas tu não andas para a frente mulher!

    ResponderEliminar
  53. Percebo bem o teu lado, não estás a agir mal. Eles de certeza, que agora se sentem culpados por não te terem convidado!
    Uma laura? Conta-me essa história melhor :o

    ResponderEliminar
  54. Eu sei. Não te preocupes (: E tu, como estão as coisas?

    ResponderEliminar
  55. Tentar não custa, certo? Acho que devias avançar, com cuidado mas, continuar assim não adiantará muito.

    ResponderEliminar
  56. Há sentimentos que nos tocam profundamente, passe o tempo que passar :/

    ResponderEliminar
  57. basta não deixa-lo desistir.
    pronto. vês? é disso que eu te falo? quem gosta mesmo faz esforços. tal como os nossos meninos :)
    não o deixes desistir.

    ResponderEliminar
  58. Algo me diz que não acabou aqui mas não consigo acreditar. Só me vou magoar mais. Então, espero que corra bem :)

    ResponderEliminar
  59. fala pra ele que ele é um sonho bom , que mudou o tom da sua vida...Fala pra ele
    Que a vida é um balão
    Pra cuidar do seu coração
    E chora


    Cicero


    seu texto me fez lembrar dessa musica

    ResponderEliminar
  60. O grande problema é magoa de qualquer forma. Então, o que aconteceu?

    ResponderEliminar
  61. Sim, obrigada. Oh, é uma amiga, não te precipites.

    ResponderEliminar
  62. é um belo país, qualquer coisa me adicione no facebook
    ^^
    papeamos

    ResponderEliminar
  63. agora não posso , tenho andado de moletas -.-

    ResponderEliminar
  64. quando conseguir andar . :))
    muito mesmo *.*

    ResponderEliminar
  65. obrigada , mas está difícil . ahah depois tratamos disso . ;p
    casar com ele não , já tenho o meu príncipe . :c

    ResponderEliminar
  66. mas gostas do blog assim ou nem por isso ? :x

    ResponderEliminar
  67. parecendo que não.... estamos na mesma situação.
    a mim também mo apetece fazer muitas vezes. então quando começam a vir pensamentos BEM negativos à minha mente... coisas sem pé nem cabeça sabes? mas que vêm sim, mas sem razões para virem... apetece-me desistir dele.
    mas não o faço. porque me posso vir a arrepender. não posso porque quero estar com ele. e não posso porque ele quer estar comigo e nunca me deu razões para duvidar dele.
    eu sei que dá mesmo vontade de desistir muitas vezes. mas não o faças Marisa.

    ResponderEliminar
  68. pois. então é esse o problema dele. não colaborar. resumindo... ele quer que sejas "dele" mas não o demonstra mais. não pode.

    ResponderEliminar
  69. gostas ? **
    não , só parti , com o tempo passa . ahah
    toda a gente há-de encontrar uma pessoa , basta procurar e quem procura encontra . :)

    ResponderEliminar
  70. Podes até ter razão em relação a ela mas, ele pode não ter essas 'intenções' com ela.

    ResponderEliminar
  71. oh :s como têm andado as coisas ?

    ResponderEliminar
  72. Já pensas-te em perguntar-lhe isso a ele? E aproveita e diz-lhe o quanto gostas dele, antes que seja tarde demais, acredita que sei do que falo.

    ResponderEliminar
  73. Ciumenta. Vocês não têm nada, acho que não deves agir assim. Já está na altura de falares com ele!

    ResponderEliminar
  74. Sabes que importa. Diz-lhe de uma vez o que sentes ou vais acabar por perdê-lo. Só tens uma vida, uma oportunidade, aproveita-as.

    ResponderEliminar

Deixem as vossas opiniões :)