Andas agora por aí com dores. Dores de coração. Mas agarras tipicamente à barriga. Tens medo de desmoronar. Segura no teu coração, pequeno. Como ele, apesar das dores que me provocou, existem poucos. O teu é de ouro. Desse mais valioso.
Mas esqueces-te que não é preciso o coração cair, para que ele se parta. Oh pequeno, eu pensava que tinhas o meu nas mãos, e afinal fui eu que nunca to entreguei. A entrega de algo tão sagrado como o coração, não é feita de ânimo leve, e eu nunca tive a coragem de deixar o meu por tua conta. Apesar desse coração lindo que sei que tens, as tuas mãos mais parecem de manteiga. Não me leves a mal, mas sabes que não és muito bom a segurar coisas. Tipo sentimentos. Tipo pessoas. 
Eu fui, porque me deixas-te ir. Fui, porque tu permitis-te-me que fosse. Não me barras-te a passagem, não me seguras-te pela cintura, nem me prendes-te o braço. Foi orgulho. E bolas, tu e esse orgulho sempre tão afiado. Eu sempre te disse: ou perdes o orgulho, ou um dia, acabas por me perder a mim. 
Mas voltando ao coração: sabes pequeno, quando ele se parte, é dentro de nós mesmos. Os cacos, esses não saltam. Ficam dentro de nós. Formando nós dolorosos no fundo do estômago e apertos que nos sufocam a garganta. Esses cacos, enrolam-se a língua e deixam-nos com um travo amargo na boca. Picam-nos os olhos. Fazes ideia do quando custa encontrá-los? Ou melhor, fazes ideia, do quão desesperante é descobrir onde procurá-los? Eu não demorei demasiado tempo, como pensava. Demorei na proporção em que amei. Tal como os cacos: partem-se na proporção em que se ama. Quanto mais alto elevares o teu coração, mais alto é a sua queda. Mais cacos. Mais dores. 
Não sofras pequeno. Não por ela, que nunca te mereceu. Eu sofri por ti, e tu também não mereces-te nem um pouco daquilo que te dei. Mas não voltava atrás por nada. Agora resta-te levantar a cabeça. Não te apresses a apanhar os cacos. Nem queiras voltar ao passado pequeno. Não penses que posso ser o teu remendo de emergência sempre que precisas. E não deixes que o orgulho interfira agora. Sabes esse teu orgulho que há tempos deixou que eu fosse? Agora é o meu, que não deixa que eu fique.

52 comentários:

  1. obrigada doce. escreves tão bem :')

    ResponderEliminar
  2. Oh amor mas eu não consigo :S porque a foto fica a repetir-se em bué quadrados.
    Oh fofinha adoreiii *-* é isso mesmo (:

    ResponderEliminar
  3. Soube mesmo bem hoje te ler. Gostei bastante. Um Beijo :)*

    ResponderEliminar
  4. obrigada, fico felicíssima por teres gostado.
    quanto ao teu texto, está lindo. gostei muito mesmo, há algumas frases ou pequenas partes que nos tocam mesmo. muito bom!

    ResponderEliminar
  5. Amoooo o textoooo :D
    Oh fofinha mas isso já eu fiz S; Já tentei fazer bué cenas, temos de falar no msn para eu te explicar.

    ResponderEliminar
  6. obrigada querida, fico muito feliz.

    ResponderEliminar
  7. Eu já consegui, mas só consegui porque a foto em si era mesmo grande xp.
    Já estamos a falar ahaha :b

    ResponderEliminar
  8. Muito obrigada princesa <3
    Também gosto muito do teu, está mesmo lindo :)

    ResponderEliminar
  9. Não tens porque eu só disse a verdade (:

    ResponderEliminar
  10. Como tu então *
    Oh, muito obrigada fofinha.

    ResponderEliminar
  11. de nada querida.. .
    Obrigada por seguires o tumblr
    (gosto tanto, é mesmo giro ^^P)

    ResponderEliminar
  12. oh princesa , eu tenho tentado taaaaaaaaanto . mas quanto mais tento , mais difícil é . não se devia tornar mais fácil ?

    ResponderEliminar
  13. oh :s já chega de falar de mim , a sério . eu não consigo . não sei onde está a minha força , mas quanto mais me afasto dele , mais vazia me sinto .

    ResponderEliminar
  14. não te preocupes com isso princesa :o assim sempre me distraio !

    ResponderEliminar
  15. eras muito chegada a ela princesa ? :s
    oh , mas isso de estarem cada vez mais perto é mesmo bom *-* e achas que ele gosta de ti , certo ?

    ResponderEliminar
  16. então , ainda não aconteceu nada entre vocês ?
    é normal que seja difícil princesa , mesmo não sendo bem vista como uma neta . acaba por ser sempre difícil perder alguém .
    se calhar não é imaginação tua , mas sem lhe dizeres o que sentes não o poderás descobrir . se calhar , o melhor é estarem assim bem do que as coisas se virem a estragar . mas mesmo assim , acho que ele devia saber . às vezes isso pode mudar tudo para melhor . tenta dar-lhe indiretas , dizer-lhe que gostas muito dele , coisas assim . ter ciúmes é bom , certo ? eu penso que sem amor , não há ciúmes .

    ResponderEliminar
  17. já pensaste que isso podem ser indiretas ? pode ser que ele esteja a tentar mostrar-te com essas atitudes que sente alguma coisa . se calhar , ele tem o mesmo medo que tu . se calhar , apenas tem medo de te perder ou que não sintas o mesmo . é o mesmo medo que o teu . e tal como tu , ele não deve fazer ideia do que sentes . mas princesa , sempre ouvi dizer que ciúmes só os tem quem ama . experimenta dar-lhe indiretas . não me parece que sejam os teus sentimentos que o vão separar de ti :o

    ResponderEliminar
  18. Oh muitoo obrigada :D
    Sim ando mesmo feliz :$ e espero que tu tambem princesa

    ResponderEliminar
  19. isso costuma acontecer muita vez ?

    ResponderEliminar
  20. Não deixes que façam o que querem de ti amiga! Não deixes que ele te use como uma emergência. Não deixes que ele te use só porque está triste. Adorei o texto. Sou tua seguidora bj

    ResponderEliminar
  21. oh que exagero , obrigada minha linda *-*

    ResponderEliminar
  22. eu sei eu sei minha linda , é so que eu so hoje consegui responder aos vossos comentários *-*

    ResponderEliminar
  23. sinceramente , só podem ser ciúmes :o se ele não os tivesse , não sentiria necessidade de fazer isso . é como defender o que é seu , entendes ? .

    ResponderEliminar
  24. também já algum tempo que não entrava sequer na net, desculpa anjo* e sinceramente, as coisas não andam muito melhor, altos e baixos... mas e tu como andas?

    ResponderEliminar
  25. e tu fazes o mesmo , com o amigo dele .

    ResponderEliminar
  26. mas se ele estiver lá com ela , fica com o amigo dele . vais ver que ele vai ficar cheio de ciúmes :o

    ResponderEliminar
  27. depende . se ele não te der atenção , então aí sim , devias ir ter com o amigo dele . mas não lhe dês razões para ficar chateado . não deixes o amigo dele passar as barreiras de amigo .

    ResponderEliminar
  28. então que se passa linda? comigo é igual, já desde há uns tempos...

    ResponderEliminar
  29. não vejas isso como uma contradição . vê antes isso como uma forma de descobrires se ela ainda gosta dele , ou não .

    ResponderEliminar
  30. queres a minha verdadeira opinião ? devias contar-lhe o que sentes por ele .

    ResponderEliminar
  31. Olá, criei um novo blog pessoal, e vou apagar o meu antigo se queres continuar-me a seguir deixo-te aqui o link :)
    Passa por lá e diz se gostas.
    http://marianaaduarte.blogspot.pt/
    Grata pela compreensão. Beijinho Mariana Duarte ♥

    ResponderEliminar
  32. Oh god :$ Senti tudo o que disseste à flor da pele.
    Escreves muito bem mesmo, sigo!

    Beijinhos <3

    ResponderEliminar

Deixem as vossas opiniões :)